Oscar 2019 – Segunda prévia

O primeiro semestre de 2018 passou rápido. A partir de agora as distribuidoras já organizam o calendário para os lançamentos no final do ano.

Após a primeira prévia – onde discuti os filmes lançados no primeiro semestre com chance de disputar alguma coisa – agora busco analisar os nomes ventilados em Hollywood como grandes favoritos da temporada. Dividi a lista em três partes (fortes candidatos, nomes consolidados e possíveis surpresas) – cada uma com três filmes.

Fortes candidatos:

Black Panther – Deve ser mencionado, já que a Disney recebeu apoio de pessoas influentes no mercado para fazer um forte marketing para resgatar o filme na memória nos membros da Academia. Será o primeiro blockbuster a concorrer nas principais categorias do Oscar.

First Man – O filme de Damien Chazelle é o nome da Universal para o Oscar 2018. Lançamento em outubro!

Ad Astra – É o tipo de filme que ainda está envolto em segredos. Lançará no final de dezembro nos EUA em uma janela limitada para cumprir os requisitos do Oscar e será a grande estreia do cinema mundial em janeiro de 2019. Isso mostra que os produtores e distribuidores tem total confiança no projeto.

Consolidados:

BlacKkKlansman – Quem já viu diz que este é o melhor filme de Spike Lee. Geralmente a Academia não gosta de comédias, mas neste caso, dado o contexto da produção, é possível que consiga sustentar sua campanha. Lança em agosto nos EUA e em novembro no Brasil.

The Favourite –  Yorgos Lanthimos conquistou uma reputação e relevância excepcional. O drama tem potencial para disputar inúmeros prêmios técnicos. Lançamento em novembro nos EUA.

Backseat – Ainda não foi confirmado seu lançamento neste ano – o que começa a me preocupar. Mas acredito que Adam McKay não entraria em um projeto deste tamanho, com tantas responsabilidades, para fazer qualquer tipo de apelação política.

Possíveis surpresas

Widows – Muitos diziam que o filme de Steve McQueen seria lançado apenas em 2019, mas a FOX confirmou o lançamento nos EUA em novembro, mesmo mês de lançamento no Brasil.

A Star Is Born – Confesso que adiciono esse filme na lista dada a incrível ansiedade dos executivos estadunidenses para a reação do público. Originalmente seria dirigido por Clint Eastwood, que deixou o projeto de lado. Com Bradley Cooper, o longa tem o peso de ser uma espécie de remake espiritual do clássico com Janet Gaynor ao mesmo tempo que precisa se provar como um musical moderno. Lançamento em outubro nos EUA e em novembro no Brasil.

The Front Runner (foto) – História extremamente relevante dentro da política estadunidense na década de 1980. Será lançado em novembro nos EUA. Acredito até em uma indicação para Hugh Jackman se a construção do filme for coerente com a realidade.

Comments

comments

Deixe uma resposta