Abacus: Small Enough to Jail (Abacus: Pequeno o Bastante para Condenar) – 2016

A crise financeira iniciada nos EUA em 2008 foi extremamente foi amplamente discutida na mídia – e em alguns canais estadunidenses tal evento virou um circo midiático. O trabalho em torno de Abacus: Small Enough to Jail (Abacus: Pequeno o Bastante para Condenar, no Brasil) é impressionante por mostrar, de forma indireta, como a justiça do país acabou fechando os olhos para os crimes cometidos pelos gigantes que manipularam a economia para voltar a atenção para um pequeno banco.

O Abacus Federal Savings Bank foi fundado em 1984 por imigrantes chineses que desejavam expandir o acesso ao crédito para esta grande comunidade de imigrantes em Nova York. É interessante notar que o diretor Steve James dá uma ótima contextualização para o espectador e não deixa de lado o relacionamento muito específico dos chineses com o dinheiro – que historicamente se apegam as cédulas.

Em 2012, a promotoria distrital de Nova York acusou o banco de patrocinar um complexo esquema de fraude de hipotecas que envolveria toda a diretoria. A partir deste caso, James reconstrói o julgamento.

Abacus é um documentário completo por oferecer ao espectador um ótimo resumo das teorias de acusação e de defesa a partir de uma série de entrevistas. Ressalto que a presença do promotor Cyrus Vance, Jr. – que sofreu diversas críticas por conta da condução deste caso – apenas engrandeceu esta produção.

Abacus poderia muito bem ser uma propaganda para os chineses, em busca de redenção. Poderia ser uma tentativa de reprodução de David e Golias. Mas o resultado final é muito mais satisfatório e original. Para os interessados na crise de 2008, por exemplo, Abacus oferece informações preciosas sobre a condução de promotoria em um caso contra uma instituição financeira (algo que não ocorreu, conforme já escrito, com os bancos que realmente afetaram a economia estadunidense). Mas quando cito que um documentário é completo procuro pensar nas pessoas que entram no cinema ou apertam play em seus serviços de streaming em suas casas sem nenhum conhecimento prévio do tema. Abacus atinge perfeitamente o objetivo proposto ao escancarar uma tentativa de caça as bruxas, ao mesmo tempo que coloca uma instituição pequena, que não figura na lista das 2 mil maiores dos EUA, como alvo para tentar mostrar ao cidadão estadunidense de que o Estado estava empenhado no combate as fraudes e corrupção.

Por conta de tudo isso é fácil observar o grande sucesso de Abacus nos festivais que percorreu nos últimos dois anos. Merece a indicação ao Oscar e a visibilidade que ganhará a partir de agora.

NOTA: 8/10

IMDb

Comments

comments

Deixe uma resposta