Beoning (Em Chamas) – 2018

Sempre deixei clara a admiração que tenho pelo novo cinema sul-coreano, especialmente no gênero thriller, que propõe histórias muito bem fundamentadas e que quebram completamente com a imposição narrativa típica do mercado estadunidense. Os diretores, por exemplo, não sofrem pressão para entregar um produto de no máximo duas horas para ampliar a comercialização deste no exterior. O foco é a história, o desenvolvimento dos personagens e uma conclusão amarrada, soberba. Beoning (Em Chamas, no Brasil e lançado no exterior com o título Burning), de Chang-dong Lee, desponta como um dos melhores filmes asiáticos de 2018 por envolver o público em uma misteriosa trama com um final impactante.

O jovem Jong-su (Ah-in Yoo) vaga pelas ruas de uma cidade da Coreia do Sul e é parado por Hae-mi (Jong-seo Jeon), que diz ser sua ex-colega na escola. Eles começam a conversar, vão pra casa juntos – e ela justifica que seu rosto mudou por conta de uma cirurgia plástica. Dias depois, ela avisa que vai pro Quênia passar alguns dias e retorna para seu país acompanhada do milionário Ben (Steven Yuen), misterioso playboy com um hobby curioso: colocar fogo em estufas.

A adaptação do conto de Haruki Murakami, difundido nos Estados Unidos e na Europa durante a década de 1990, tem várias mudanças que tentam capturar a indecisão do protagonista. Não é estranho uma mulher começar a dar justificativas antes mesmo de ser perguntada sobre algo? Como podemos ter certeza de que ela está falando a verdade? Por qual motivo ela some e volta com outro homem? Quais os objetivos deles?

Estas são apenas algumas das perguntas que tornam Beoning atrativo durante as duas horas e meia de rodagem. Com a espetacular fotografia de Kyung-pyo Hong, que apresenta tomadas steadicam e ótimos closes durante as conversas, decisivas para fundamentar a visão sobre Ben, o candidato da Coréia do Sul ao Oscar de melhor filme estrangeiro, tem crédito total pela originalidade. O mistério que envolve este triângulo amoroso disfuncional tem um toque lento, que permite avançar sobre tópicos como desigualdade social e diferenças culturais em um país de primeiro mundo.

NOTA: 8/10

IMDb

Summary
Review Date
Reviewed Item
Em Chamas
Author Rating
41star1star1star1stargray

Comments

comments

Deixe uma resposta