Operation Finale (Operação Final) – 2018

Trabalhar com histórias reais no cinema exige uma série de considerações: optar pela fidelidade histórica ou dramatizar o máximo possível? criar personagens e conexões para estimular o drama ou articular apenas com o necessário para o desenvolvimento da trama? É uma pena que um filme como Operation Finale (Operação Final, no Brasil) trate de um assunto tão relevante e, ao mesmo tempo, opte por simplificações e alterações vitais para entender o perfil de Adolph Eichmann.

O longa dirigido por Chris Weitz é mais uma das tantas produções que tentam resgatar o interesse na figura de Eichmann (Ben Kingsley). O foco é a operação de captura organizada pelo agente da Mossad Peter Malkin (Oscar Isaac) dentro da Argentina, local onde o criminoso nazista se refugiou após a Segunda Guerra Mundial trabalhando em uma fábrica da Mercedes.

Como a operação de captura na vida real ocorreu de forma tranquila – Malkin posteriormente disse que foi “a missão mais fácil da história da Mossad” – Weitz abusa da boa vontade do espectador ao desviar a atenção para um romance entre uma judia com o filho de Eichmann (falso e completamente desnecessário para a proposta narrativa). Com duas horas de rodagem, é incrível como um filme que circula dentro de temas de vital importância – como o Holocuasto – não oferece uma visão crítica, mantendo-se preso a uma estrutura clássica de começo, meio e fim – sendo que essas divisões são bem marcadas.

Ao invés de utilizar os artigos de Hannah Arendt compilados em Eichmann em Jerusalém: Um relato sobre a banalidade do mal – ao menos para um apoio teórico – Weitz sequer propõe desconstruir o perfil do nazista. Uma série de flashbacks são utilizados para demonstrar alguns dos crimes, mas eles não são efetivos na medida em a banalidade do mal não entra em discussão.

Após lançamento no cinema estadunidense, Operation Finale chegou ao resto do mundo graças a um acordo de distribuição da MGM com a Netflix. Apesar do tema ser extremamente relevante, Operation Finale foge completamente do real com distorções absurdas na tentativa de criar um grande clímax final. Recomendo ao leitor que se interessar pelo que de fato ocorreu na Argentina a leitura de bibliografia complementar. Uma pena ver que cada vez mais a tendência é romantizar e dramatizar qualquer coisa a ponto de criar distorções brutais, como é o caso aqui.

NOTA: 4/10

IMDb

Summary
Review Date
Reviewed Item
Operation Finale (Operação Final) - Filme
Author Rating
21star1stargraygraygray

Comments

comments

Deixe uma resposta