Crisis Hotline: Veterans Press 1 – 2013

Prever o vencedor das categorias do Oscar de melhor curta, melhor curta de animação e melhor curta-documentário é muito difícil. Não basta o filme ter reputação, produção impecável e reconhecimento do grande público: ele deve agradar aos poucos membros da Academia que participam das sessões de avaliação destas categorias. A produção da HBO Crisis Hotline: Veterans Press 1 só é considerada a favorita para levar a estatueta por conta da publicidade feita em cima da história relatada – mas já adianto que estou com um pé atrás por se tratar da mesma temática de The Phone Call, que briga pelo Oscar de curta.

O documentário de quarenta minutos trata sobre a dura realidade enfrentada pela equipe do Departamento de Estado americano responsável pelo atendimento aos veteranos de guerra – que, na maioria das vezes, buscam ligar para o serviço antes de perder a cabeça e se suicidar. Em média vinte e dois veteranos dos Estados Unidos se matam a cada dia, e o serviço de atendimento por telefone é uma aposta da presidência para reduzir drasticamente este número ao encaminhar estas pessoas para serviços de ajuda. As entrevistas feitas com os membros do serviço de ajuda são boas, mas já aos vinte minutos parecem se esgotar em conteúdo. O tempo poderia ser melhor aproveitado com algum tipo de investigação sobre o motivo pelo qual estes veteranos buscam ligar antes de tomar qualquer atitude e mostrar pelo menos história real sobre alguém que teve sua vida salva pelo serviço.

Crisis Hotline: Veterans Press 1 entrega sua mensagem e sai de cena com algumas informações fortes, mas falha ao não considerar ir além do que os vários atendentes entrevistados relatam.

NOTA: 6/10

IMDB

Comments

comments

Um comentário em “Crisis Hotline: Veterans Press 1 – 2013

Deixe uma resposta