Begin Again (Mesmo Se Nada Der Certo) – 2013

Begin Again (Mesmo Se Nada Der Certo, no Brasil) é um musical bastante interessante, pois combina uma boa seleção musical (fato raro nos filmes deste gênero na última década) com um drama bem contextualizado. O longa foi lançado com o título de Can a Song Save Your Life? – mas a Weinstein Company decidiu trocar após uma pesquisa com os espectadores indicarem que um considerável número não conseguia se lembrar de todo o título.

Mark Ruffalo é Dan, fundador de uma gravadora de discos que é demitido de sua própria criação após entrar em atrito sobre as diretrizes futuras da companhia. No mesmo dia em que tudo parecia dar errado, ele encontra a jovem e simples Gretta (Keira Knightley) – e logo planeja fazer sucesso com a moça, que tem um talento natural para a música. Mas ao invés de optar pelo caminho mais fácil, os dois decidem gravar suas músicas no meio da cidade de Nova York, interagindo com o público e enfrentando as mais variadas situações.

O longa perde o fôlego ao progredir e apresentar um desfecho positivo muito rápido. A série de flashbacks iniciais não é mantida em um bom nível a partir da metade final, quando o rumo da história já está definido – algo que poderia e deveria ter uma atenção maior. A atuação de Mark Ruffalo é muito natural, já que ele parece interpretar quem ele realmente é: um homem livre, com muita alegria e determinação, apesar de certas vezes afogar suas mágoas na bebida. Keira Knightley, indicada ao Oscar este ano por sua interpretação em The Imitation Game, demonstra a insegurança de sua personagem com muita classe. O elenco de apoio é deixado de lado para tentar dar um destaque mais do que o devido aos dois protagonistas. Esta opção deixou em aberto dois subplots: o do relacionamento de Dan com sua ex-mulher e o de Gretta com seu ex-namorado. Apesar destas histórias receberem rápidas pinceladas, nenhuma delas é tratada de forma satisfatória.

Ainda assim, Begin Again deve agradar toda a família. Com um tom leve, os pecados do roteiro podem passar despercebidos por conta de sua abordagem positiva. O longa foi indicado ao Oscar de melhor canção original (Lost Stars). Com uma arrecadação oito vezes maior do que seu custo, este é um ótimo exemplo de que não é necessário muito dinheiro para conseguir uma boa ideia. Pontos para o diretor John Carney,

NOTA: 6/10

IMDB

Comments

comments

Um comentário em “Begin Again (Mesmo Se Nada Der Certo) – 2013

Deixe uma resposta